quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Flatulência

(Por Ivan Silva)

Prender peido é falta de sinceridade.

Até mesmo estando só.

O peidante quando peida, por mais que o peido feda,
se expressa muito mal quando cai na risada, mas se expressa pior ainda
quando inventa de tapar o nariz.
Até mesmo estando só.
Só, até mesmo fora do banheiro
(lugar considerável da casa onde se deve fazer as necessidades)

Prender peido é falta de sinceridade.

O peidante, indivíduo que peida, em público é oprimido,
principalmente
quando peida descaradamente sem deixar supeitas a seu respeito,
escutando seriamente: quem foi o frouxo?
ô pessoal,
quem quiser peidar que vá peidar lá no banheiro.
Ninguém aqui é obrigado a respirar carniça dos outros não.
vamos lá pra fora respirar um ar puro, vamos?
--O convite é aceito.

O peidante também vai...

Eu não quero ir peidar no banheiro--Pensa ele.
Tranqüilamente hipócrita, sentindo assim o retardo do peido.
Só até se aproximar, novamente, da mulher que ele ficou afim.
Numa tentativa inútil (devido ao bucolsimo e a flatulência)
de pelo menos dar uma cantada.

Um comentário:

Alexandre Mendes disse...

Puta que Pariu, Ivan! Quebrou um tabu! E se o cara peidar no elevador, enquanto está sozinho. Daí,o elevador para, a porta abre e entra uma menina linda...Putz! O dia inteiro com a cara vermelha, não será verdade?
Um peido durante o sexo? Ou peida, ou o pau amolece...de qualquer forma, acabou a foda!