quinta-feira, 23 de julho de 2009

Tentativa




Num dia triste, a tristeza foi embora
junto a ela a felicidade
eu fiquei assim, sem expressão
Na tentativa de uma despedida
Só não sei como pude perder o que já não tinha
Restou a mim o tamanho
saudade, exagero
e quando eu dizia ser uma árvore
ainda sim a tristeza era uma chuva
Lembrei-me que até pra uma morte
existe uma vida
Ainda sim a despedida, intacta
Voltou a mim uma expressão
Nenhuma que eu queria
Junto a ela a tristeza voltou quase que muda
Com os meus olhos de sagui, sinto pelo que senti...
Sem nada eu é que fui embora e não tinha e nem precisava
Do nada que a tristeza me levou,
Só da tentativa de sua despedida
E em algum momento, descobri que não tenho a tristeza em mim
Ela é que me tem nela
Me deixa contido
E me faz ver o que convém.

3 comentários:

Diego El Khouri disse...

"Lembrei-me que até pra uma morte
existe uma vida"

me renego a comentar qualquer coisa!! bom pra cacete!! sempre bom!!!

Karlinha disse...

"Junto a ela a tristeza voltou quase que muda
Com os meus olhos de sagui, sinto pelo que senti..."

Muito bom... lindo!

Sarah El Khouri disse...

"E em algum momento, descobri que não tenho a tristeza em mim
Ela é que me tem nela
Me deixa contido
E me faz ver o que convém. "

Cada um por seu motivo, mas todos já sentiram isso.